Economia do Conhecimento

Economia do Conhecimento

Imagem de Economia do Conhecimento

A geração de riqueza se tornou essencial a sociedade. O crescimento populacional exige geração de empregos e condições de vida. Entretanto, produção de alimentos, saúde, energia e até mudança climática estão a depender do desenvolvimento científico integrado ao econômico.

A lição do século 21 é a de que para esse bem-estar acontecer seja necessário interligar conhecimento e capital. Gerar conhecimento não é apenas ter habilidades cognitivas. É fundamental haver investimento e retorno. Neste século, o binômio conhecimento-capital antecede a relação capital-trabalho.

A economia do conhecimento é o rio a ser trafegado. Sem ele, as águas iluministas não alimentam as torneiras da sociedade. Momento em que a condução da História sai das mãos trabalhistas para as conhecimentistas. Em que o capital não é mais o dono do Mundo. Sem a geração de conhecimento o Mundo empobrece.